Pau Ferro - Caesalpinia ferrea - 250 gramas

Pau Ferro - Caesalpinia ferrea - 250 gramas

Fabricantes:Árvores Nativas
Código do produto: Pau Ferro 250 gramas
Disponibilidade:Fora de estoque
Preço: R$ 554,00
Qtd:   Fora de estoque

A Caesalpinia leiostachya (Benth.) Ducke (Caesalpinioideae), vulgarmente denominada pau-ferro ou jucá, possui o basiônimo Caesalpinia ferrea var. leiostachya (Benth. 1870).. É uma árvore de grande porte, com origem no Brasil, nativa da Mata Atlântica, na encosta pluvial do Atlântico. A madeira de lei do pau ferro é muito dura, provavelmente a mais densa e pesada das Américas; alguns chamam-na de "ébano" brasileiro; esta densidade altíssima faz com que a espécie, especialmente em parques, seja constantemente atingida por raios. Era utilizada na confecção de tacapes.

"Pau-ferro" é uma alusão à dureza de sua madeira. Diz-se que seu nome provém das faíscas e do ruído metálico produzidos por machados quando se atrevem a cortá-las. "Jucá" é oriundo do tupi yu'ká, "matar". O nome é uma alusão a seu uso, pelos indígenas brasileiros, como matéria-prima de suas clavas .

Porte: de 12 até 28 metros.
Copa (formato; diâmetro): arredondada larga; 6 metros em média, por vezes ultrapassando os 12 metros
Tronco: marmorizado, de um branco muito claro entremeado por tons de cinza claro a bege.
Folhas: pequenas e delicadas, muito semelhantes às da sibipiruna na forma, porém em um tom de verde mais escuro. Ao contrário desta outra, os pau-ferros têm folhas perenes.
Crescimento: é considerado rápido para a densidade de sua madeira (1,4 g/cm³).
Floração: flores amarelas muito pequenas e muito pouco destacadas das folhas, quase imperceptíveis a olho nu, formadas de agosto a março.
Frutificação: o fruto é uma vagem extremamente dura e resistente, madura de agosto a outubro.

Madeira muito dura e extremamente durável e resistente; usada na construção civil e em acabamentos em pisos, bem como na fabricação de partes duras de guitarras e violões, bem como de uma série enorme de objetos de altíssimo luxo como violinos, revólveres, tacos de golfe e de hóquei, cassetetes ou bastões, canetas, bengalas de mão, tacos de bilhar, facas e canivetes, carrocerias de caminhão, painéis de barcos e partes de carros. Arborização paisagística urbana. Medicinal.

Fazer um comentário



Obs: HTML não suportado!

   


Tags: pau ferro